sexta-feira, 26 de abril de 2013

Produtos Mirdad Cultura: Flican



A Flican, Festa Literária Internacional de Canela, é um evento privado de grande porte, cultural-turístico-educacional, com periodicidade anual e ampla repercussão de mídia, viabilizado pela iniciativa público-privada. A Flican surge para consagrar a cidade conhecida pelas paisagens ímpares e pela arquitetura soberba como ícone-mor do amor do Rio Grande do Sul pelos livros, por seus personagens e contadores, eruditos ou populares.

Fase atual: Em processo de captação para realização em abril de 2015.

Curta a página da Flican no Facebook aqui.

Confira como foi a primeira rodada de reuniões e visita técnica aqui.


quarta-feira, 24 de abril de 2013

Produtos Mirdad Cultura: Flisca



A Flisca, Festa Literária Internacional de Santa Catarina, é um evento privado de grande porte, cultural-turístico-educacional, com periodicidade anual e ampla repercussão de mídia, viabilizado pela iniciativa público-privada através de Lei de Incentivo e patrocínio direto. Como sede de sua 1ª edição em 2014, pretende-se realizar o evento em Florianópolis, na Fortaleza de São José da Ponta Grossa, na praia de Jurerê Internacional.

Fase atual: Em processo de captação para realização em novembro de 2014.

Curta a página da Flisca no Facebook aqui.

Confira como foi a primeira rodada de reuniões e visita técnica aqui.


sábado, 6 de abril de 2013

Vamos ouvir: Mundança, de Larissa Luz

Mundança (2012) - Larissa Luz




Não consegue visualizar o player? Ouça aqui

Release do CD, disponível no site oficial da cantora:

"

A Música negra do mundo provendo a dança para provocar a mudança.

Funk, reggae, soul, batuque e  rock! O mundo negro, do negro, pro mundo. Convidando, se entregando, se assumindo, dizendo pra todos que integrar é evolução e mudar é essencial. Assim é MunDança.

O primeiro disco da carreira solo de Larissa Luz: autoral e provocante, consistente e sensual! A fim de experimentar a liberdade de criar sem limites, Larissa lança um projeto que promove um encontro inusitado entre as vertentes da música negra do mundo, levando as pessoas a trocar energia através da dança e transformar o estático em movimento. Uma fina mistura de ritmos que se torna ainda mais instigante por ter de base a interação entre a percussão humana e os beats eletrônicos.

"

sexta-feira, 5 de abril de 2013

Emmanuel Mirdad participa do IV Encontro de Jornalismo




O Diretor Geral e de Criação da Mirdad - Gestão em Cultura, Emmanuel Mirdad, é um dos convidados do IV Encontro de Jornalismo, cujo tema da mesa será Empreendedorismo e Novas Áreas de Atuação.

Promovido pelo curso de Jornalismo da Unirb, o encontro vai acontecer nesta sexta 05/04 às 18h30 no Teatro Eva Herz da Livraria Cultura do Salvador Shopping. A entrada é um pacote de alimento não perecível e vai ter certificado de extensão para estudantes. Além de Mirdad, participam da mesa a assessora de imprensa Aleksandra Pinheiro, da Agência Comunika Press, e o jornalista Francis Juliano, do portal Bahia Notícias.

quinta-feira, 4 de abril de 2013

Lançamento CD Farol de Mou Brasil



Acho o guitarrista baiano Mou Brasil o melhor compositor da atualidade. Não escondo de ninguém essa opinião. Hoje, quinta 04/04, às 19h, na Galeria do Livro do Cine Glauber Rocha, entrada franca, vai rolar o lançamento do álbum Farol, totalmente autoral, com participações de Tiganá Santana, Manuela Rodrigues e Steve Coleman. Vá, compre o CD e confira se não estou certo.

Com 30 anos de carreira, Mou Brasil tinha apenas um disco gravado, fora do Brasil ainda por cima. Assim estava o guitarrista e compositor em 2009, quando o conheci, através do amigo Tiganá Santana. Pra mim foi inaceitável testemunhar composições incríveis sem registro, ainda mais diante desse absurdo com a nossa história musical ter um músico do gabarito de Mou sem álbum lançado no Brasil.

Convenci meu então sócio na Putzgrillo Cultura, o empresário Marcus Ferreira, a topar mais um projeto de CD (o outro tinha sido o 1º de Tiganá), o que não queríamos mais (tínhamos decidido ser produtora de festivais). Argumentei que era uma obrigação nossa para com a renovação da música instrumental baiana.

Escrevemos o projeto (inclusive foi finalizado na noite do meu aniversário de 2009), que concorreu ao edital da Funceb (mais uma vez, como o de Tiganá), e acabou sendo contemplado, com louvor (no mesmo edital em que foram contemplados o Aleluia da banda Cascadura e o ArRede - Tempo sem Nome da banda Radiola). Foi o reconhecimento do Estado da Bahia à brilhante obra de Mou Brasil.

Pois então, no dia seguinte à Cerimônia de Entrega do Prêmio BTR 2010 (emendando projetos é uma doideira só), começamos a gravação no estúdio Coaxo do Sapo, de Guilherme Arantes, lá na Barra do Jacuípe. E, depois de um longo percurso e vários contratempos, o álbum Farol será lançado nesta quinta 4 pelo selo baiano Garimpo Música. Parabéns, Mou, você merece muito mais, meu caro amigo!

Conheça a ficha técnica do CD Farol aqui.

quarta-feira, 3 de abril de 2013

Vamos ouvir: AIÓN, de Marcelo Fruet & Os Cozinheiros

AIÓN (2012) - Marcelo Fruet & Os Cozinheiros




Não consegue visualizar o player? Ouça aqui

Release disponível no site do grupo:

"

AIÓN (Fruet Music , 2012 /2013) é o segundo álbum da banda. O disco tem 15 faixas, sendo 13 inéditas, uma bônus e uma versão para “Mal Secreto”, de Jards Macalé e Waly Salomão. O produto pode ser encontrado nas melhores lojas do ramo, na loja da banda ou através da distribuidora Tratore. A expressão “AIÓN”, oriunda da Grécia antiga, é usada para se referir a um tempo diferente do cronológico, que não pode ser medido pela quantidade, mas pela qualidade.

O design gráfico do álbum criado pelo artista Índio San, por outro lado, tem inspiração na física, misturando linhas de reflexão com o “olhar do observador” - representação gráfica de um olho geralmente usada para descrever o posicionamento do sujeito que enxerga uma determinada imagem de um objeto em um esquema ótico. É dessa forma que Marcelo Fruet apresenta os dois eixos centrais que movem seu trabalho musical: tempo e ilusão. Não por acaso, o disco foi lançado primeiro no Japão, onde o tempo começa antes, no dia de amanhã, em relação ao Brasil. Contrariando a lógica, o disco “AIÓN” nasceu no futuro e de cabeça para baixo.

"

segunda-feira, 1 de abril de 2013

Seleta dos melhores do Embrulhador 2012

Dos que não conhecia, esses foram os melhores álbuns da seleta do Embrulhador


Em janeiro deste ano o site Embrulhador lançou a sua robusta e enorme seleção dos 100 melhores álbuns da música brasileira em 2012. Teve uma repercussão danada, diversas bandas e artistas compartilhando, e muita gente conhecendo novos sons (taí a importância de um trabalho desse, muito mais que essa picuinha de ficar discordando ou não da seleção do pesquisador). Eu fui uma dessas pessoas, e não conhecia a maioria dos sons divulgados pelo site (dos conhecidos, o número 1 pra mim foi Aleluia, da banda Cascadura, seguido dos álbuns de Lucas Santtana, Cambriana e Marcia Castro). Ouvi um por um, e a maioria foi ruim, mas esses 12 álbuns a seguir me conquistaram. Muito obrigado, meu caro! Para quem quiser conferir a seleção, basta seguir no link abaixo da minha seleta da seleta.





1º) Tupiniquin
     Estrada pro Sol
     Ouça aqui








2º) TRATAK
     Agora eu sou o silêncio
     Ouça aqui








3º) Rafael Castro
      Lembra?
     Ouça aqui








4º) Phillip Long
     Atlas
     Ouça aqui








5º) Isadora
     A Eletrônica e Musical Figuração das Coisas
    Ouça aqui








6º) Khrystal
     Dois Tempos
     Ouça aqui








7º) Afroelectro
     Afroelectro
     Ouça aqui








8º) Vitor Araújo
      AB
     Ouça aqui








9º) Laura Lopes
     Abaporu
     Ouça aqui








10º) Mão de Oito
        Um Dia que Já Vem
        Ouça aqui








11º) Amabis
       Trabalhos Carnívoros
       Baixe aqui








12º) Orquestra Contemporânea de Olinda
        Pra Ficar
       Ouça aqui