Pular para o conteúdo principal

Melhores da revista piauí por Emmanuel Mirdad



O escritor, compositor e produtor Emmanuel Mirdad foi assinante da revista piauí, de fevereiro de 2007 (primeiro comprando nas bancas e depois na forma padrão) a outubro de 2016, e a partir de 2013, passou a selecionar os melhores textos e quadrinhos (na sua opinião) que lia por ano, enfocando nos literários, trechos de livros de ficção e ensaios, artigos e reportagens emocionantes ou intrigantes. Confira abaixo a seleção.



Melhores 2016
Veja aqui
Svetlana Aleksiêvitch, Vladimir Nabokov, Karl Ove Knausgård, Siddhartha Mukherjee, Malu Gaspar, Margarita García Robayo, entre outros.




Melhores 2015
Veja aqui

Karl Ove Knausgård, Joseph Mitchell, Reinaldo Moraes, Armando Antenore, Ta-Nehisi Coates, Gilberto Scofield Jr., Ian Buruma, Robin Marantz Henig, Dulce Maria Cardoso, Bernardo Esteves, entre outros.




Melhores 2014
Veja aqui

Patrick Radden Keefe, Consuelo Dieguez, André Cardoso, Jonathan Crary, Richard Lloyd Parry, Andrew Solomon, Alejandro Zambra, Reinaldo Moraes, Michael Pollan, entre outros.




Melhores 2013
Veja aqui
Andrew Solomon, Fernanda Torres, Margarita García Robayo, Nuno Ramos, entre outros.



Melhores 2012
Veja aqui
David Foster Wallace, Francisco Goldman, Rafael Cariello, Jonathan Franzen, entre outros.



Melhores 2011
Veja aqui
Consuelo Dieguez, Julio Cortázar, Curzio Malaparte, Persio Arida, Fred Vargas, entre outros.



Melhores 2010
Veja aqui

Reinaldo Moraes, Atul Gawande, Edmundo Paz Soldán, Lydia Davis, Catherine Herszberg, Greg Grandin, Dorrit Harazim, entre outros.



Melhores 2009
Veja aqui
Mario Vargas Llosa, João Moreira Salles, Jean-Marie G. Le Clézio, Elizabeth Bishop, entre outros.




Melhores 2008
Veja aqui

David Foster Wallace, Samantha Power, Diablo Cody, Tony Judt, Vladmir Nabokov, Norman Mailer, Dorrit Harazim, S. Abbas Raza, Julio Cortázar, Roberto Pompeu de Toledo, entre outros.





Melhores 2007
Veja aqui

Douglas Duarte, Mario Vargas Llosa, Simon Schama, Nilton da Silva, Wislawa Szymborska, Steve Martin, Woody Allen, Raquel Freire Zangrandi, Nando Reis, Kenneth Tynan, Elvis Costello, entre outros.




Melhores 2006
Veja aqui
Millôr Fernandes, João Moreira Salles, Fernanda Torres, Antonio Prata, Rubem Fonseca, entre outros.


Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

O grito do mar na noite no site do jornal Rascunho

Resenha do livro O grito do mar na noite (Via Litterarum, 2015), publicada no Rascunho #192, de abril de 2016, por Clayton de Souza, disponível para leitura no site do jornal.

Leia aqui

A mesma resenha na versão impressa do jornal aqui

Foto do autor: Sarah Fernandes

Cinco poemas e três passagens de Ana Martins Marques no livro Da arte das armadilhas

Ana Martins Marques (foto daqui)

Espelho
Ana Martins Marques

                                     d’après e. e. cummings

Nos cacos
do espelho
quebrado
você se
multiplica
há um de
você
em cada
canto
repetido
em cada
caco

Por que
quebrá-
-lo
seria
azar?


--------


Teatro
Ana Martins Marques

Certa noite
você me disse
que eu não tinha
coração

Nessa noite
aberta
como uma estranha flor
expus a todos
meu coração
que não tenho


--------


Penélope
Ana Martins Marques

Teu nome
espaço

meu nome
espera

teu nome
astúcias

meu nome
agulhas

teu nome
nau

meu nome
noite

teu nome
ninguém

meu nome
também


--------


Caçada
Ana Martins Marques

E o que é o amor
senão a pressa
da presa
em prender-se?

A pressa
da presa
em
perder-se


--------


A festa
Ana Martins Marques

Procuramos um lugar
à parte.
Como se estivéssemos
em uma festa
e buscássemos um lugar
afastado
onde pudéssemos
secretamente
nos beijar.
Procuramos um lugar
a salvo
das palavras.

Mas esse
lugar
não há.


--------


"Um dia vou aprender a partir
vou partir
como qu…

O fim do Blog do Ël Mirdad

Esta é a última postagem do Blog do Ël Mirdad (que um dia já foi Farpas e Psicodelia). Ao fim, foram 1.083 postagens em 8 anos de atividade, de 2009 a 2016. Divulguei o trabalho de muitos artistas, nas áreas da música, literatura e audiovisual (eventos, shows, quadrinhos, etc.), e também o meu trabalho como compositor, escritor e produtor cultural. Das seções que fiz, a que mais me orgulhou foi Leituras. Abaixo, seguem duas imagens com estatísticas que o próprio Blogger oferece, apuradas em 22 de dezembro. O motivo para o fim desse blog é que não assinarei mais como Emmanuel Mirdad, e não tem lógica manter um canal de comunicação vinculado a esse nome.


Algum dia farei outro blog? Acho difícil. Caso faça, divulgarei apenas o meu trabalho como escritor, o único que continua, assinando, a partir de 2017, como Emmanuel Rosa.


Muito obrigado pela sua audiência. E espero que o Google mantenha esse acervo ativo, para quando você quiser voltar por aqui e ler (ou ouvir) algo que lhe agradou, d…