Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de Janeiro, 2010

Especial: Bruno Aziz

Bruno Aziz
À Venda nas Melhores Mancadas
Publicado em 20/01/10
www.fotolog.com.br/rabiscoland

.

Especial: Rodrigo Damati

Conheci o gaúcho deserdado Rodrigo Damati, vulgo Metade, na produção bamba de um show do seu extinto power trio enquanto isso... (os outros músicos, brothers Léo e Dinha, vieram a formar depois 50% da banda Matiz). Anos depois, reencontrei-o numa festa muito louca e fiquei puto ao saber que estava parado, sem fazer som, desde o fim do trio. Gosto do trabalho composicional de Metade, e da postura visceral que encarna a voz de suas canções. Tal talento não poderia ficar legado ao limbo do comodismo Caymmi dos artistas de fato. Respaldado pelo grande amigo Txhelo Castilho, firmei que montaria uma banda pra ele. Assim nasceu Clarice, comigo inclusive na guitarra horrível, que não durou mais que três ensaios.

Desse embrião, só restou Txhelo, que depois da chegada do baterista mais sutil da Bahia, o também gaúcho Felipe Dieder, rendeu mais um power trio para Metade; desta vez, consistente e um pouco duradouro: Cerveja Café. Mas o assunto aqui não é música, e sim artes gráficas.

Metade, desemp…

Pílulas: Raiça Bomfim

Como o blog é ditatorial, e taí a grande vantagem de fazê-lo, aceito tranqüilamente ser criticado por estar me repetindo. Pois continuarei agora a repetir. Mais uma vez a atração desta seção Pílulas foi me apresentada nos negros anos da Faculdade de Comunicação da UFBA, a famigerada FACOM. Só que desta vez, ao invés das feras anteriores, é uma dama de um incrível e expansivo gargalhar que os apresento: a pulsante atriz e poetisa Raiça Bomfim.

Ela ficou pouco no curso de produção cultural, e foi logo se encontrar na Faculdade de Teatro, onde se formou, e é hoje uma atriz profissional, de intensa atividade. Eu desconhecia sua face literária, que me foi alertada pela Bienal do ano passado, onde se apresentou na mesma praça que este espinho aqui. Mesmo assim, foi graças ao motor da poesia baiana, o amigo José Inácio, que pude conhecer um pouco dos versos de Raiça; JIVM a entrevistou para a seção Sangue Novo (leia aqui). Desde então, sigo seu celebrado e recomendado blog Mainha me Deu Lápis

Intervalo: Thin Lizzy - Wild One

Pílulas: Thiago Kalu

Assim como o autor anterior desta série (Lobão, aqui), conheci Thiago Kalu nos negros anos da Faculdade de Comunicação da UFBA. Aluno do curso de jornalismo, desde sempre sua manifestação foi extremamente musical, uma simbiose perfeita entre o suingue preto de um violão de nylon, a melodia faminta de suas canções e a malandragem rouca de uma voz que sintetiza a essência do groove e a melancolia de um ser em Lost.

Kalu é um artista, de fato, que transita entre a música e a poesia como manifestação encrustrada e escancarada de sua andarilha existência, e como tal, um errôneo transitante de sua confusa montanha-russa. É um homem fera ferida, band leader do eterno promissor Clube da Malandragem, que tive a honra de lhe cunhar o apelido que o veste desde os vindouros faconianos.

Kala-Kalu, voscifere muito, que ainda há muita angústia a ser torrada na fogueira da vibração!

"...

Na fineza do riso estampado
O estado de sã lisergia
Na folia de cão indeciso
O desejo de ser reparado

Marcas falhas d…

Q.I.: Tiganá & Luiz Brasil // Irmãos da Bailarina // Cascadura

Quarta 13/01

Luiz Brasil e Tiganá

Firmando a grande parceria iniciada com o álbum de estreia de Tiganá, o Maçalê, que será lançado em breve, Luiz Brasil convida o amigo para um show imperdível, acompanhados apenas por violão e voz, e a percussão seletiva e sensível de Antenor Cardoso, em composições próprias e uma pitada boa do mestre Dorival Caymmi.

Onde: Tom do Sabor (Pirâmide do Rio Vermelho)
Horário: 22h
Quanto: $ 15
Links: Luiz Brasil e Tiganá



Sexta 15/01

Os Irmãos da Bailarina
Participação da Theatro de Sèraphin e DJ Nancy Viégas

Seis meses após o lançamento virtual de seu disco de estreia, Ponta, a banda Os Irmãos da Bailarina se prepara para a festa de concretização desse trabalho. Na ocasião, a banda apresenta um show sob direção artística do cantor e compositor Ronei Jorge, com as participações especiais dos músicos Nancy Viégas, andré t e Saulo Gama. O show de abertura da noite fica por conta da banda Theatro de Séraphin.

Onde: Boomerangue (Pirâmide do Rio Vermelho)
Horário: 23h
Quanto:…

Bloguijabá: Entrevista Soterópolis

Pra começar muito bem o ano de 2010, a matéria bacana do programa Soterópolis, da TVE, sobre os blogs culturais de uma galera massa daqui da Bahia. Confiram, o Farpas e Psicodelia foi ouvido:

Entrevista Soterópolis






.