sábado, 26 de dezembro de 2015

Melhores da revista piauí em 2015

Capas das revistas piauí 101, 107, 100, 105, 102, 106, 
108, 103, 104, 111, 109 e 110 de 2015.


Os 46 melhores textos/HQs que foram publicados na revista piauí em 2015 você confere nos links abaixo (acesso gratuito e para assinantes da revista), selecionados por mim, assinante (primeiro das bancas e depois na forma padrão) desde a piauí_5, num levantamento que fiz durante o ano.

A melhor piauí de 2015 foi a de número 101, de fevereiro, com destaque para o encontro de Reinaldo Moraes com Wolinski, o artigo do escritor holandês Ian Buruma sobre a sujeição das mulheres e a emancipação feminina no Japão e na Europa em ruínas, e as reportagens de Malu Delgado (sobre o trote na USP) e Consuelo Dieguez (investigando a ascensão da Friboi), entre outros.

Completando o top five, a #107 (agosto), com o melhor texto publicado na revista em 2015, do escritor Karl Ove Knausgård, sobre o assassino de aparência comum que matou a tiros 69 jovens na ilha de Utøya, em 2011, na Noruega; a #100 (janeiro), com a história do bar do McSorley, um clássico de Nova York, pelo escritor Joseph Mitchell; a #105 (junho), com o emocionante diário de uma adoção por um casal gay; e a #102 (julho), com o artigo de Jon Ronson sobre como uma frase infeliz pode destruir uma pessoa. A pior piauí do ano, foi a #110, de novembro (a #111 de dezembro também foi muito ruim e a #109, de outubro, foi a pior edição de aniversário dos últimos anos).

PS: Os links foram retirados do post porque a revista trocou de servidor duas vezes, e não há como definir se o conteúdo continuará disponível na internet. Recomenda-se procurar o site da revista no Google, e pesquisar pelo título da matéria para verificar se está disponível para leitura ou não.


Melhores 2015 - Parte I


Um de nós
Anders Breivik, que matou a tiros 69 jovens na ilha de Utøya, em 2011, tinha o nome e a aparência de um norueguês comum.
Karl Ove Knausgård
piauí #107


O bar do McSorley
A história de um clássico de Nova York.
Joseph Mitchell
piauí #100


Na cama com Wolinski
Um encontro entre o autor de Pornopopéia e o decano do Charlie Hebdo.
Reinaldo Moraes
piauí #101


Solidariedade fatal
Às vésperas do Réveillon, centenas de abelhas atacam um casal de idosos no interior de São Paulo.
Armando Antenore
piauí #107


Não controlamos o destino de nossos corpos
Um jovem escritor explica, numa carta ao filho, o que significa ser negro na América.
Ta-Nehisi Coates
piauí #108


Diário de uma adoção
Os processos de adoção podem ser morosos, às vezes exasperadamente lentos. E de repente um e-mail ou telefonema nos coloca no olho do furacão.
Gilberto Scofield Jr.
piauí #105


Sexo depois da guerra
A sujeição das mulheres e a emancipação feminina no Japão e na Europa em ruínas.
Ian Buruma
piauí #101


Juízo final
Uma paciente de Alzheimer decide pôr fim à própria vida.
Robin Marantz Henig
piauí #106


O coração do meu mundo 
ou o papagaio que gostava de bolo de arroz
Às vezes penso que o meu vício de deformar a realidade começou precisamente com a necessidade de ganhar lugar no passado dos meus pais e irmã.
Dulce Maria Cardoso
piauí #105


O sobrevivente
Sérgio Sant’Anna e a obsessão pela literatura.
Bernardo Esteves
piauí #103


A vida por um tuíte
Como uma frase infeliz pode destruir uma pessoa.
Jon Ronson
piauí #102


Melhores 2015 - Parte II


Venido a menos
Há mais de quatro décadas, o fotógrafo chileno Camilo Vergara captura as transformações e a degradação de paisagens urbanas nos Estados Unidos.
Graciela Mochkofsky
piauí #105


Massacre no canal Saint-Martin
O fundamentalismo do Estado Islâmico é uma forma de totalitarismo – semelhante, sob muitos aspectos, ao nazismo e ao stalinismo.
Ruy Fausto
piauí #111


Ainda estrangeiro
Kamel Daoud, o escritor que fez a versão árabe do romance de Camus.
Adam Shatz
piauí #106


O dilema de Salter
Um dos melhores escritores norte-americanos do século XX lidou até o fim com a frustração de não ser famoso.
Alejandro Chacoff
piauí #106


Os 43 que faltam
Como um grupo de estudantes desapareceu num estado dominado pelo tráfico.
Carol Pires
piauí #100


A sereia e o centauro
Poesia
Ana Martins Marques
piauí #100


Uma segunda oportunidade
A parábola de David Carr.
Graciela Mochkofsky
piauí #102


Varre que é macumba
Lixo, candomblé e media training.
Paula Scarpin
piauí #101


Cerimônia do adeus
A livraria Leonardo da Vinci sobreviveu à morte do fundador, a um pedido de concordata e a um incêndio criminoso. Mas não resistiu à Amazon.
Luiz Fernando Vianna
piauí #107


Revolução na Grécia
A estação de rádio local, na ilha de Mykonos, podia ser ocupada por uns poucos cozinheiros.
Alexander Clapp
piauí #107


O oráculo divergente
Minhas falsas memórias sobre o verdadeiro Renato Russo.
Michel Laub
piauí #108


O cérebro eterno
Após morrer de câncer, aos 23, Kim Suozzi teve o córtex preservado, na esperança de que a ciência possa, um dia, ressucitar sua mente.
Amy Harmon
piauí #110


Melhores 2015 - Parte III


Entre duas narrativas
Uma viagem a Israel e à Palestina.
Flavia Castro
piauí #103


O estouro da boiada
Como o BNDES ajudou a transformar a Friboi na maior empresa de carnes do mundo.
Consuelo Dieguez
piauí #101


Na mira do trote
Denúncias de violência entre estudantes põem na berlinda a Faculdade de Medicina da USP.
Malu Delgado
piauí #101


O diletante e os dinossauros
A combinação que tirou das ruas a lendária The New Republic.
Daniela Pinheiro
piauí #100


Pornofagia
O declínio da indústria nacional do sexo explícito.
Alejandro Chacoff
piauí #102


A última viagem
A chegada, a fuga e a prisão do brasileiro executado na Indonésia.
Ricardo Gallo
piauí #101


Macunaíma na tela
Os fracassos e o triunfo de Joaquim Pedro e Mário de Andrade.
Eduardo Escorel
piauí #106


Museu do futebol
O ostracismo do Pacaembu.
Fábio Fujita
piauí #105


O irmão brasileiro
A busca de Chico Buarque em Berlim.
Fernando de Barros e Silva
piauí #100


Doce remédio
Pesquisas com drogas psicodélicas, como o LSD, prometem aumentar a eficácia de tratamentos psíquicos e trazer alívio para doentes terminais.
Michael Pollan
piauí #105


A alemã tranquila
A ascensão de Angela Merkel, a mulher mais poderosa do mundo.
George Packer
piauí #102


O que se pode saber de um homem?
Até na voz, Mário de Andrade encarnava as ambivalências da sociedade brasileira.
José Miguel Wisnik
piauí #109


A grande sinuca celestial
Talvez eu tenha sido um grande surfista em alguma vida passada. Me contento hoje em ser um bom surfista de lençol.
Reinaldo Moraes
piauí #104


O segredo de Escobar
Bento Santiago tinha razões concretas para se sentir ameaçado por seu antigo amigo de seminário.
André Dutra Boucinhas
piauí #105


Melhores 2015 - HQs


Compreendendo a poesia
Quadrinhos
Grant Snider
piauí #104


Charlie Hebdo sob nova direção
Quadrinhos
Laerte
piauí #101


Notas de um fundamentalista da liberdade de expressão
Quadrinhos
Art Spiegelman
piauí #102


Vida digital
Cartuns
Jean Jullien
piauí #102


Meu pai nunca falou nada sobre essas coisas
Malandragens, modismos, trabalho, dificuldades do mundo moderno – e como lidar com tudo isso.
Allan Sieber
piauí #111


Back to work
Quadrinhos
Caco Galhardo
piauí #100


Doses diárias
Cartuns
Alberto Montt
piauí #101 e #109


Leonard Plume e a Falange dos Fiéis
Quadrinhos
Reinaldo Figueiredo
piauí #105


Alguns dos meus melhores amigos são os discos
Quadrinhos
Grant Snider
piauí #104


2 comentários:

Anônimo disse...

Que pena que você tirou os links para as matérias da Piauí! Sua seleção me foi muito útil.

Seria pq o endereço da Piauí mudou? Nesse caso, você poderia ter apenas mudado o começo do endereço para http://piaui.folha.uol.com.br/, já que o resto continuou igual.

Mirdad disse...

Sim, a piauí fez uma mudança, eu troquei TODOS os links de todas as seleções que eu fiz. E agora ela mudou de novo. Percebi que não adianta colocar o link, pois a qualquer momento ela pode modificá-los.

Então, sugiro que abra o site da revista, e coloque na pesquisa dela o título do texto que te interessar.

Abs