Pular para o conteúdo principal

Revisando 2011

foto: David Campbell (interferida por Mirdad)


Eis que 2011, o ano que começou como o da lindeza e terminou como o yin-yang para mim, se despediu levando o corpo de meu pai e muitas recordações de dias felizes, intensos, bem vividos, dias de glória e realização profissional, muitas risadas, beijos, apertos, aventuras e o amor, este bem maior, que estava perdido no deserto do rancor e frustração, de volta à casa de meu coração grande e ávido por sentir e experimentar a felicidade com a urgência de um sobrevivente à validade breve da vida terrena.

2011 foi um ano ainda melhor que 2010, em que a Putzgrillo Cultura pode finalmente estrear os seus dois primeiros produtos do portfólio de festivais: a FLICA, 1ª festa literária da Bahia, e o Festival Brainstorm. E muito mais virá em 2012, o ano fantástico. Permita-se!

Então, segue abaixo uma pequenina retrospectiva do que de melhor experimentei nesse ano 1, 2011, em que perdi a pessoa mais importante de minha vida (uma não, uma multidão de pessoas reunidas em um único ser de luz só), e pude farrear milhares de alegrias distintas.


PRINCIPAL FEITO DE 2011



Realização da 1ª edição da FLICA (Festa Literária Internacional de Cachoeira), a 1ª festa literária da Bahia




LIVRO DO ANO 2011 (dos que li - critério de gosto)



Umidade - Reinaldo Moraes (Cia das Letras - 2005)


Outros destaques: Tanto Faz/Abacaxi (Reinaldo Moraes), As Três Infâncias (Mayrant Gallo) e os livros da série "Produção Cultural no Brasil"





FILME DO ANO 2011 (dos que vi no cinema - critério de gosto)




A Pele que Habito (La Piel que Habito - 2010), de Pedro Almodóvar

Outros destaques: Meia-Noite em Paris, 127 Horas, Transeunte e Incêndios





VIAGEM DO ANO 2011






Rio de Janeiro - RJ (maio)







PRODUÇÕES PUTZGRILLO! 2011

Outubro



FLICA (Festa Literária Internacional de Cachoeira) - 1ª Edição (11 a 16/10)




Novembro



Festival Brainstorm - Música, Circulação e Interatividade (10/11)





SHOWS DE DESTAQUE 2011 (dos que vi - critério de gosto)

Janeiro



Móveis Coloniais de Acaju (Parque da Cidade - 30/01)





Sanguinho Novo com Cascadura e Dubstereo (Pelourinho - 09/01)

Ensaio da Mosiah com participação de Lazzo (Tom do Sabor - 14/01)

Os Mizeravão (Groove Bar - 15/01)


Fevereiro




Retrofolia (Teatro SESC Pelourinho - 26/02)





Limusine e Microtrio (Teatro SESC Pelourinho - 03/02)

Sarau Notas Mínimas com Katherine Funke e Pessoas Invisíveis (Livraria Cultura - 09/02)

Baile dos Mascarados com Lenine e 3 na Massa (Clube dos Fantoches - 17/02)

Bailinho de Quinta (Tom do Sabor - 19/02)

BaianaSystem (Livraria Cultura - 25/02)


Março



MELHOR SHOW 2011
Magary (Carnaval no Pelô - 05/03)




Retrofolia + BaianaSystem + Lucas Santanna (Carnaval no Pelô - 06/03)

Maglore (Livraria Cultura - 12/03)

Magary (Tarrafa - 12/03)


Abril




Festa Pretty Woman (Groove Bar - 30/04)




Adelmário Coelho (Atlântico Hall - 01/04)

Pirigulino Babilake (Livraria Cultura - 02/04)


Maio



Manuela Rodrigues - Lançamento do CD Uma Outra Qualquer (Livraria Cultura - 24/05)



Yamaha Brazilian Beat com Acord, Quarteto de Cinco, Acord, Radiola, Vendo 147, João Sem Braço e O Triplo (Groove Bar - 07/05)

Cavern Roots (Groove Bar - 13/05)

Encontro de Compositores (Teatro Vila Velha - 26/05)

Camisa de Vênus (Pelourinho - 28/05)


Junho




Forró dos Mascarados (Clube Fantoches - 16/06)





Forró da Gota (Teatro Vila Velha - 02/06)

Ensaio da Mosiah (Farol - 03/06)

BaianaSystem (Portela - 04/06)

Gilberto Gil (Pelourinho - 17/06)

Baruza [Barão Vermelho Cover] e Os Inútil [Ultraje a Rigor Cover] (Groove Bar - 22/06)


Julho




BaianaSystem (Parque da Cidade - 10/07)




Quarteto de Cinco (Teatro Vila Velha - 07/07)

Dia do Rock com Eric Assmar Trio (Groove Bar - 13/07)





O Círculo (Parque da Cidade - 31/07)





Ronei Jorge & Suinga (Groove Bar - 29/07)

Cena de Cinema II com Travolta (Portela Café - 30/07)


Agosto




Luiz Brasil - Lançamento do CD Beira (Sala do Coro - 02/08)





Baruza [Barão Vermelho Cover] (Groove Bar - 26/08)




Vendo 147 - Lançamento do CD Godofredo (Teatro Vila Velha - 11/08)




Jam no MAM (MAM - 27/08)


Setembro

Futurama com Dois e Um, Cabruêra, Radiola e Percussivo Mundo Novo (Pelourinho - 17/09)


Ronei Jorge & Karina Buhr (Concha Acústica - 04/09)

Suinga e Velotroz (Portela Café - 10/09)






Theatro de Séraphin - Lançamento do CD "No Fim de Maio" (Pós-Tudo - 13/09)







Intercenas Musicais com Vandex, Ronei Jorge e Cérebro Eletrônico (Portela Café - 23/09)


Outubro




Orkestra Rumpilezz na FLICA 2011 (Cachoeira - 11/10)




BaianaSystem na FLICA 2011 (Cachoeira - 12/10)

Magary na FLICA 2011 (Cachoeira - 13/10)

Samba de Roda Suerdieck na FLICA 2011 (Cachoeira - 14/10)


Novembro

Festival Brainstorm - com Cascadura, BaianaSystem, Maglore, O Círculo, Pirigulino Babilake, Retrofoguetes, Percussivo Mundo Novo, Messias, Vendo 147, Theatro de Seraphin, Clube de Patifes, Acord, Ênio e a Maloca, Capitão Parafina & Os Haoles e Café com Blues (Groove Bar, Portela Café, B-23, Farol e Bohemia - 10/11)

Afro XXI - África em Movimento, com Novalima, Seun Kuti, Heartbreakers Orquestra, entre outros (Pelourinho - 19/11)

Magary (Padaria Bar - 27/11)


Dezembro




Groundation (Bahia Café Hall - 10/12)




.

Comentários

On The Rocks. disse…
Mirdad, meu caro, para o alto e avante!

Abs
Clau Souza disse…
Mirdad Gigante! 2012 será Sensacional... Amém!

Pra mim, começou do jeitinho certo, limpo, puro e cheio de livros na cara... e espero que permaneça assim.

Que tudo continue lindo e 'Fantástico' pra vc! Muack!
Tamara Queiroz disse…
Poxa, segunda-feira, quando eu voltar a editora, vou apresentar este post a esposa do Reinaldo Moraes. Com certeza ficara feliz pelo ~Livro do ano~.

Movimento, transformaçao e um ano extraordinario em 2012!
Que beleza!!! - Móveis Coloniais de Acaju e Vendo 147 :D

Postagens mais visitadas deste blog

O grito do mar na noite no site do jornal Rascunho

Resenha do livro O grito do mar na noite (Via Litterarum, 2015), publicada no Rascunho #192, de abril de 2016, por Clayton de Souza, disponível para leitura no site do jornal.

Leia aqui

Informações sobre o livro (trechos, release, fotos, crítica, etc.) aqui

Foto do autor: Sarah Fernandes

Cinco poemas e três passagens de Ana Martins Marques no livro Da arte das armadilhas

Ana Martins Marques (foto daqui)

Espelho
Ana Martins Marques

                                     d’après e. e. cummings

Nos cacos
do espelho
quebrado
você se
multiplica
há um de
você
em cada
canto
repetido
em cada
caco

Por que
quebrá-
-lo
seria
azar?


--------


Teatro
Ana Martins Marques

Certa noite
você me disse
que eu não tinha
coração

Nessa noite
aberta
como uma estranha flor
expus a todos
meu coração
que não tenho


--------


Penélope
Ana Martins Marques

Teu nome
espaço

meu nome
espera

teu nome
astúcias

meu nome
agulhas

teu nome
nau

meu nome
noite

teu nome
ninguém

meu nome
também


--------


Caçada
Ana Martins Marques

E o que é o amor
senão a pressa
da presa
em prender-se?

A pressa
da presa
em
perder-se


--------


A festa
Ana Martins Marques

Procuramos um lugar
à parte.
Como se estivéssemos
em uma festa
e buscássemos um lugar
afastado
onde pudéssemos
secretamente
nos beijar.
Procuramos um lugar
a salvo
das palavras.

Mas esse
lugar
não há.


--------


"Um dia vou aprender a partir
vou partir
como qu…

Cinco poemas e três passagens de Ana Martins Marques em O livro das semelhanças

Ana Martins Marques (foto: Rodrigo Valente)

Coleção
Ana Martins Marques

                                        Para Maria Esther Maciel

Colecionamos objetos
mas não o espaço
entre os objetos

fotos
mas não o tempo
entre as fotos

selos
mas não
viagens

lepidópteros
mas não
seu voo

garrafas
mas não
a memória da sede

discos
mas nunca
o pequeno intervalo de silêncio
entre duas canções


--------


Ana Martins Marques

Combinamos por fim de nos encontrar
na esquina das nossas ruas
que não se cruzam


--------


Mar
Ana Martins Marques

Ela disse
mar
disse
às vezes vêm coisas improváveis
não apenas sacolas plásticas papelão madeira
garrafas vazias camisinhas latas de cerveja
também sombrinhas sapatos ventiladores
e um sofá
ela disse
é possível olhar
por muito tempo
é aqui que venho
limpar os olhos
ela disse
aqueles que nasceram longe
do mar
aqueles que nunca viram
o mar
que ideia farão
do ilimitado?
que ideia farão
do perigo?
que ideia farão
de partir?
pensarão em tomar uma estrada longa
e não olhar para tr…