Pular para o conteúdo principal

Música para Escrever (2017-2021)


Entre 2017 e 2021, publiquei 70 posts da série Música para Escrever, divulgando o trabalho de 600 bandas e 1.200 discos (entre álbuns, EPs e singles). Compilei o melhor do post-rock para escrever que peneirei na internet, via os canais no YouTube Wherepostrockdwells, Worldhaspostrock, In The Woods e 9eCn3, além das páginas das bandas no Bandcamp.

Peneirei atrações de 61 países: Estados Unidos (137 atrações), Alemanha (44), França (36), Inglaterra (33), Austrália (28), Itália (27), Suécia (25), Rússia (25), Canadá (18), Espanha (17), Polônia (17), Suíça (16), Áustria (13), Grécia (13), China (09), Finlândia (09), Nova Zelândia (08), Islândia (07), Ucrânia (07), Hungria (07), Bélgica (07), Dinamarca (06), Romênia (06), Argentina (06), Japão (05), Portugal (05), Brasil (05), México (05), Escócia (04), Noruega (04), Chile (04), Irã (03), Irlanda (03), Israel (03), África do Sul (03), Tailândia (03), Belarus (03), Índia (03), Taiwan (02), República Tcheca (02), Turquia (02), Indonésia (02), Coreia do Sul (01), Bulgária (01), Eslováquia (01), Filipinas (01), Azerbaijão (01), Colômbia (01), Peru (01), Hong Kong (01), Sérvia (01), Malásia (01), Holanda (01), Estônia (01), Singapura (01), Lituânia (01), País de Gales (01), Venezuela (01), Macedônia (01), Guatemala (01) e Myanmar (01). PS: Teve uma atração que se considerava Estados Unidos & China.

Escrevi o meu primeiro romance ao som dos islandeses do Sigur Rós. Escrevi um dos meus livros de contos ao som do duo norte-americano Hammock. Considero o gênero post-rock (e o ambient) a melhor trilha sonora para escrever. Tive essas duas experiências maravilhosas e continuarei a escrever embalado pelo som que me faz ir além, mergulhado no universo de dentro e ao redor.

Confira abaixo as cinco temporadas do Música para Escrever (2017-2021), com os melhores sons de post-rock, a alumiar a mente e transcender em palavras.


Música para Escrever 2017
50 bandas | 26 países | 104 discos
Conheça aqui


Música para Escrever 2018
60 bandas | 23 países | 158 discos
Conheça aqui


Música para Escrever 2019
130 bandas | 32 países | 256 discos
Conheça aqui


Música para Escrever 2020
200 bandas | 44 países | 385 discos
Conheça aqui


Música para Escrever 2021
160 bandas | 36 países | 297 discos
Conheça aqui

-----------


A seção Seleta destacou os 500 melhores discos da Música para Escrever. Confira abaixo, em cinco edições, com destaque para os álbuns das bandas Sigur Rós, MONO, Jakob, Hammock, If These Trees Could Talk, hubris., This Patch of Sky, Imploding Stars, Godspeed You! Black Emperor, The Evpatoria Report, This Will Destroy You, Do Make Say Think, Esmerine, Avalon, Zhaoze, Wang Wen, Ravena, Thee Silver Mt. Zion Memorial Orchestra, Cul de Sac, Mooncake, VIRTA, Her Name is Calla, Gregor Samsa, Magyar Posse, entre muitos outros.


60 melhores | Música para Escrever 2017
Sigur Rós, Hammock, If These Trees Could Talk, hubris., Imploding Stars, Godspeed You! Black Emperor, Paint the Sky Red, etc.
Ouça aqui


80 melhores | Música para Escrever 2018
MONO, Jakob, This Patch of Sky, The Evpatoria Report, This Will Destroy You, Do Make Say Think, Esmerine, etc.
Ouça aqui


140 melhores | Música para Escrever 2019
Avalon, Zhaoze, Wang Wen, Milhaven, seahorses, Fading Tapes, Tunica Dartos, Jardín de la Croix, kokomo, etc.
Ouça aqui


130 melhores | Música para Escrever 2020
Ravena, Thee Silver Mt. Zion Memorial Orchestra, Cul de Sac, Mooncake, VIRTA, Helu, Enemies, etc.
Ouça aqui


90 melhores | Música para Escrever 2021
Her Name is Calla, Gregor Samsa, Magyar Posse, Immanu El, Show Me a Dinosaur, Mouth of the Architect, Cult of Luna, etc.
Ouça aqui

-----------
-----------

A seção Seleta também passou a divulgar playlists com as melhores músicas de cada edição da Música para Escrever. Confira abaixo as primeiras seleções.


90 melhores | Música para Escrever 2017
Ouça aqui


115 melhores | Música para Escrever 2020
Ouça aqui


145 melhores | Música para Escrever 2021
Ouça aqui

Comentários

Postagens mais visitadas deste blog

Seleta: Lisa Hannigan

Lisa Hannigan (foto daqui ) Conheci a cantora e compositora irlandesa Lisa Hannigan graças ao emocionante filme “ Maudie ” (2016), da diretora irlandesa Aisling Walsh (baseado na história da artista canadense Maud Lewis ). A música dos créditos finais é “ Little Bird ”, e a suavidade, timbre, afinação e interpretação tátil da bela voz de Lisa Hannigan me fisgou na hora! Contemplei três dos seus álbuns, “ At Swim ” (2016), “ Passenger ” (2011) e “ Sea Sew ” (2008), e fiz uma seleta com 20 canções que mais gostei. Confira o belo trabalho da irlandesa Lisa Hannigan ! Ouça no YouTube  aqui Ouça no Spotify aqui 1) Tender [At Swim, 2016] 2) Funeral Suit  [At Swim, 2016] 3) Home [Passenger, 2011] 4) Little Bird [Passenger, 2011] 5) Paper House [Passenger, 2011] 6) An Ocean and a Rock [Sea Sew, 2008] 7) Prayer for the Dying [At Swim, 2016] 8) Nowhere to Go [Passenger, 2011] 9) Anahorish [At Swim, 2016] 10) We, the Drowned [At Swim, 2016] 11) Splishy Splashy [Sea Sew, 2008] 12) T

Leituras 2020

Os 10 livros lidos em 2020 Li 10 livros em 2020 , com destaque para a poesia, e selecionei trechos das obras de Alex Simões , Lúcio Autran , Wesley Correia , Mariana Botelho , Nina Rizzi , Érica Azevedo , Ana Valéria Fink e Cyro de Mattos , e trechos dos romances de Franklin Carvalho e Victor Mascarenhas . Além dos livros, elaborei uma seleção de poemas de Zecalu [publicados nas redes sociais em 2019], outra seleta de trechos de crônicas de Santiago Fontoura [publicadas no Facebook], e uma seleção de poemas de Martha Galrão . Por fim, reli a autobiografia de Rita Lee e divulguei trechos também. Boa leitura! “Contrassonetos catados & via vândala” (Mondrongo, 2015) Alex Simões Leia trechos  aqui “soda cáustica soda” (Patuá, 2019) Lúcio Autran Leia trechos  aqui “laboratório de incertezas” (Malê, 2020) Wesley Correia Leia trechos  aqui “o silêncio tange o sino” (Ateliê Editorial, 2010) Mariana Botelho Leia trechos  aqui   “A ordem interior do mundo” (7Letras, 2020) Franklin Carv

Seleta: Edson Gomes

Os discos e as músicas do cantor e compositor Edson Gomes são os meus prediletos e as que eu mais gosto dentre tudo que é feito de reggae no Brasil. No meado dos anos 1990, eu só ouvia Bob Marley & The Wailers o tempo inteiro, e foi o ilustre mestre cachoeirano quem despertou o meu interesse para outros sons além do gigante jamaicano. Fiquei fã de Edson Gomes antes de conhecer Burning Spear , Peter Tosh , Alpha Blondy , Gregory Isaacs e muitos outros. Foram os clássicos dele, e são muitos, muita música boa, arranjos excelentes, o sonzaço da banda Cão de Raça (adoro a timbragem e improvisos do guitarrista Tony Oliveira ), que me apresentaram a magia do Recôncavo Baiano , de Cachoeira , muitos anos antes da Flica . Na Seleta de hoje, as 42 músicas que mais gosto, gravadas por Edson Gomes & Banda Cão de Raça , presentes em seis álbuns : “ Resgate Fatal ” (1995), “ Campo de Batalha ” (1992), “ Recôncavo ” (1990), “ Apocalipse ” (1997), “ Reggae Resistência ” (1988) e “ Acor